Cristiano Ronaldo, que se encontra a gozar um período de férias no Algarve, falou pela primeira vez sobre a transferência para o Real Madrid.

Confirmou que já fez os testes médicos, mas ainda não sabe quando vai ser apresentado.

"Agora quero descansar, estar junto da família, para depois começar a pré-época em grande, com força, para poder mostrar o meu futebol.", iniciou Ronaldo.

"Está tudo ok, tudo perfeito", revelou, Cristiano Ronaldo que assumiu que será um "grande desafio".

"É um clube que também está habituado a ganhar, tal como o Manchester, por isso vai ser um grande desafio para mim. Estou muito contente.", adiantou Cristiano.

"Sempre tive noção daquilo que sou e daquilo que posso fazer, por isso agora só tenho de descansar bem e estar com a família para poder regressar ao melhor nível, tanto a nível físico como psicológico", prosseguiu, admitindo que de início poderá passar por dificuldades: "No princípio, vai sempre um pouco complicado. Estive seis anos em Manchester e lá o futebol é diferente, mais físico e mais rápido. De qualquer forma, acho que quando somos bons jogadores, conseguimos adaptar-nos a qualquer tipo de futebol. Só espero adaptar-me o mais rápido possível."

"O Real Madrid sempre foi um clube onde quis jogar. Aproveito para esclarecer que os adeptos e as pessoas do Manchester United compreenderam a minha decisão. Foi um acordo mútuo e, por isso, estou muito feliz. Vai ser um desafio muito grande para mim", insistiu.

Ronaldo aproveitou também para falar do seu futuro colega de equipa, o brasileiro Kaká: "Vai ser bom. O Kaká é um grande jogador, também já foi bola de ouro, por isso será um grande orgulho jogar ao seu lado, assim como ao lado de outros como Raul, Casillas ou Guti."

No fim Ronaldo fez um pedido: "Agora dêem-me um pouco de privacidade para poder estar à vontade."

0 comentários